Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
13/05/19 às 11h54 - Atualizado em 15/05/19 às 17h28

Metodologia

CURSO SUPERIOR DE TECNÓLOGO EM GESTÃO PÚBLICA

OBJETIVO

 

A gestão pública é uma atividade necessária à sociedade contemporânea e deve ser sensível às demandas sociais e a um cenário no qual são exigidas políticas públicas aptas a responder cada vez mais rápido às necessidades do cidadão. Para corresponder a este cenário, torna-se indispensável formar profissionais capazes de propor, de implementar e de avaliar as políticas públicas de Estado exigidas pela população, sendo vital ter visão problematizadora dos aspectos sociais, econômicos e políticos envolvidos, inclusive sobre a própria gestão pública.

O Curso Superior de Tecnólogo em Gestão Pública tem o compromisso de promover a formação integral do gestor público, a partir do desenvolvimento das competências técnico-científicas aplicadas ao exercício profissional. A partir de situações-problema encontradas no dia a dia como elemento disparador do processo de ensino-aprendizagem, almeja-se que os egressos sejam capazes de qualificar a própria atuação profissional e de exercitar a alteridade e a colaboração, tendo como foco o cidadão e as demandas sociais, ou seja, o intuito é formar gestores tecnicamente competentes e criticamente engajados, que colaborem para que Administração Pública torne-se mais eficiente.

 

A INOVADORA METODOLOGIA UTILIZADA:

AS METODOLOGIAS ATIVAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM

 

Atualmente, diversos campos do saber vêm refletindo sobre os limites de suas fronteiras disciplinares e sobre a metodologia de construção de seus conhecimentos fundamentais. Essa discussão extrapola o âmbito escolar e passa a ser cada vez mais relacionada com a própria educação cidadã e democrática.

Parece ser consensual que a transmissão de conhecimento de forma instrumentalista, depositária, disciplinar e acumulativa – ou apenas “educação bancária”, nas palavras de Freire (1996) – não é adequada para a formação de cidadãos, estudantes, profissionais e seres humanos críticos, solidários, engajados e protagonistas de suas vidas.

A perpetuação de um status quo caracterizado por desigualdades e injustiças sociais estruturais vem sendo relacionada com um modelo de educação focado apenas na reprodução de conhecimentos, dentro de uma dinâmica que termina por retirar a autonomia e a agência dos sujeitos, que passam a ocupar a posição de meros espectadores do mundo.

Para atender este anseio pela mudança social e educativa, a partir do início do século XX uma série de teorizações e práticas pedagógicas não tradicionais começaram a ganhar espaço nos meios acadêmicos, como a pedagogia problematizadora, a qual encontra a sua forma na realidade dentro do que se convencionou chamar de Metodologias Ativas.

 

APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS (ABP)

 

O currículo do Curso Superior de Tecnólogo em Gestão Pública é estruturado a partir de Metodologias Ativas, mais especificamente a Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) e a Problematização, o que se reflete em seus três princípios pedagógicos: ensino centrado no estudante, baseado em problemas reais e orientado à integração ensino-serviço-comunidade.

A ABP, também conhecida pela sigla PBL (Problem Based Learning) é um método de aprendizagem interativo que fundamenta a aprendizagem na discussão de casos concretos, ou que reflitam uma determinada realidade, como subsídio instigador e propulsor para as soluções de problemas reais, os quais são o início da trajetória de aquisição e integração de novos conhecimentos, habilidades e atitudes. A promoção de uma aprendizagem centrada no aluno, na qual os docentes assumem o papel de facilitadores do processo de produção do conhecimento, é o viés que a ABP delineia.

Escola Superior de Gestão - Governo de Brasília

ESG

SGO Qd.01 Lote 01 Bloco A/B - Brasília/DF - CEP: 70610-610